Financiamento de imóvel residencial pelo Banco do Brasil

O Banco do Brasil financia até 80% do valor de seu imóvel, sendo ele novo ou usado

O financiamento imobiliário tem sido a saída para muitos brasileiros conseguir ter a casa própria. Para explicar como funciona o financiamento do Banco do Brasil de uma objetiva, o banco fornece o crédito para o comprador e paga ao vendedor o valor acordado do imóvel, as partes (banco credor e comprador) negociam as taxas de juros e prazos, sendo assim em um determinado período o comprador paga a dívida do financiamento ao banco.

Para imóveis residenciais, o Banco do Brasil financia até 80% do valor de seu imóvel, sendo ele novo ou usado. O pagamento do financiamento pode ser pago em até 420 meses, e as taxas estão em aproximadamente em 11,09% ao ano.

Para ajudar na aquisição do seu imóvel residencial, você pode usar o seu FGTS como parte de seus recursos próprios, dessa forma você amortiza ou líquida o saldo devedor do financiamento imobiliário, contando também com o seguro protegido que o Banco do Brasil oferece.

Para imóveis comercias, o Banco do Brasil também financia em até 80% do valor (limitado a R$ 5 milhões), sendo ele novo ou usado. O pagamento do financiamento pode ser em até 360 meses, com taxas de juros negociadas com cada cliente.

No financiamento de imóvel comercial você não pode utilizar o seu FGTS, mas você conta com o seguro protegido do crédito imobiliário, que são cobertos morte ou invalidez permanente.

Para facilitar o financiamento do seu imóvel, o Banco do Brasil oferece o Simulador de Financiamento Imobiliário, nesta etapa você informa:

1º) Dados sobre o imóvel:

  • Qual tipo do imóvel;
  • Se o imóvel é novo ou usado;
  • Localização;
  • Valor do imóvel;
  • Possui-se outros imóveis na mesma cidade.

2º) Seus dados:

  • CPF;
  • Data de nascimento;
  • Se tiver FGTS para adicionar em seu financiamento;
  • Caso tenha outra renda para somar no financiamento (cônjuge ou união estável);
  • Renda familiar.

3º) Valores do financiamento:

  • Quanto pretende financiar;
  • Qual o prazo para pagamento.

4º) Detalhes da parcela:

  • Nessa etapa o Banco do Brasil informa todos os detalhes de como será o seu financiamento.

Veja como funciona o fluxo de financiamento imobiliário do Banco do Brasil:

  • Simulação do financiamento – que pode ser online ou na própria agência;
  • Análise de documentos – leve documento com foto (RG), CPF e a renda familiar;
  • Análise de crédito – o Banco do Brasil analisa os dados pessoais do solicitante para confirmar o pagamento do financiamento;
  • Avaliação do imóvel – engenheiros credenciados pelo Banco do Brasil analisam o imóvel;
  • Assinatura do contrato – comprador e o Banco do Brasil assinam os contratos e registram em cartório. Nessa etapa deve ser pagos as taxas obrigatórias como do ITBI, por exemplo, e o dinheiro é direcionado ao vendedor do imóvel.

Financiamento da casa própria na CAIXA Econômica Federal 

Conseguir ter a casa própria é o sonho de muitos brasileiros, ter mais liberdade, ter seu espaço, poder pintar da cor preferida, são coisas simples, mas que quando é feito na casa própria deixa o brasileiro satisfeito. Mas por onde começar para ter a casa própria?

Atualmente existem maneiras de conseguir “aquela grana” para ter a casa própria, uma delas é o financiamento imobiliário. O financiamento é feito pelos bancos, onde pagam uma parte do valor do imóvel ao vendedor, a partir desse momento o solicitante do financiamento (comprador) para ao banco a quantia fornecida durante o tempo acordado. 

A CAIXA Econômica Federal está entre os bancos mais requisitados pelos brasileiros no momento de financiar um imóvel, por ter juros adequados e prazos longos.

Quando o solicitante do financiamento faz o pedido a CAIXA, é feita toda uma análise de crédito para ter a certeza que o solicitante terá condições de honrar com as parcelas do financiamento imobiliário. Pode ser solicitado o crédito para compra de imóvel novo ou usado, imóvel residencial ou comercial, imóvel em lote urbanizado ou terreno. Vale lembrar que o banco só autoriza que o solicitante gaste 30% da renda na parcela e essa etapa inicial há reprovações caso o solicitante não consiga comprovar a renda. Continue lendo aqui…

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

© 2017 Simulador Financiamento Todos os direitos reservados.

ou

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?